Category Archives: Salgados

Croque Madame

Ontem acordei com vontade de comer um Croque Madame. Um sanduíche  francês com pão de casca grossa (rústico), presunto e queijo gruyère, molho béchamel e um ovo levemente frito.
Como o pão artesanal leva várias horas para fermentar, comecei ontem e assei-o hoje. Assim eu teria a base para o meu sanduíche. Croque Madame foi o meu le déjeuner de hoje!

“Viajei” muito nessa quarentena. Fui para o Brasil, Irã, Grécia, Coreia, França, México, Itália e mais alguns que não me recordo! 


Ingredientes

1 colher de sopa de manteiga sem sal + para o grelhar
1 colher de sopa de farinha de trigo
1 xícara de leite
1 colheresde chá de mostarda Dijon
pitada de noz moscada
4 fatias de pão com casca grossa
2 ovos
100 g de queijo Gruyère
200 g de presunto

Molho béchamel
Numa panela pequena, derreta a manteiga em fogo médio-alto. Quando começar a borbulhar e criar espuma, adicione a farinha e mexa por 30 segundos. Adicione o leite morno, pitada de noz moscada, mostarda e mexa até ficar homogêneo. Reserve.

Montagem do Sanduíche

Passe manteiga nas fatias de pão e numa chapa quente ou frigideira, dourá-los dos dois lados. Coloque fatias de queijo e o dobro de fatias de presunto. Feche os sanduíches, e coloque o molho béchamel por cima deles. Coloque no broil até dourar o molho e derreter o queijo. Retire do forno, e coloque um ovo levemente frito por cima.

Bon Appétit!

Pão Artesanal

Pão Petrópolis

Mesmo morando fora, adoro assistir a parte de culinária do programa da Ana Maria Braga. Já fiz várias receitas que ela passou, e essa é uma delas. Disse a Ana que este pão é muito famoso no Rio, na cidade de Petrópolis (região serrana do Rio de Janeiro). Eu estive nessa cidade, que é deslumbrante por sinal, uns 30 anos atrás, mas não me recordo de ter conhecido/experimentado esse pão. Mas vendo essa delícia, fiquei com vontade e adivinha? Tive que fazer. Aprovadíssimo pelos jurados aqui de casa (marido e filhos). Haha.

Ingredientes
10g (1 sachet ou 1 colher de sopa) de fermento biológico seco
1 colher (sopa) de manteiga (15 g)
180ml de leite (¾ xícara de chá)
50g de açúcar (¼ xícara de chá)
400g de farinha de trigo (2 ½ xícara de chá)
1 pitada de sal
1 gema misturada com 1 colher (chá) de café pronto sem açúcar


Modo de Preparo
Numa tigela, coloque o fermento, manteiga, leite, 1 ovo e misture bem. Reserve.
Coloque numa outra tigela o açúcar, toda farinha de trigo, a pitada de sal e misture também. Faça uma cavidade no centro, adicione a mistura de fermento (reservada acima) e sove bem até ficar uma massa homogênea. Dica: polvilhe um pouco de farinha de trigo nas mãos para desgrudar a massa que fica entre os dedos. Deixe a massa descansar por uns 20 minutos numa tigela com filme plástico por cima.
Modele a massa no formato de pão de forma comprido, polvilhe farinha de trigo e transfira a massa para uma forma de bolo inglês (25 cm X 10 cm e 6 cm de altura) forrada com papel manteiga nas laterais (veja minha foto abaixo) deixando 10 cm de papel para o lado de fora da forma. Pincele a massa de pão com 1 gema misturada com o café pronto e deixe crescer até a massa dobrar de tamanho, num ambiente de temperatura agradável. Uma dica importante. Coloque uma forma com uma gradinha por debaixo da forma do pão a assar.
Leve o pão ao forno médio preaquecido a 180°C – 350F por +/- 35 minutos ou até dourar. Retire do forno, desenforme, retire o papel manteiga e sirva em seguida. Para fazer o famoso pão na chapa, passe manteiga dos dois lados e esquente a fatia (cortada grossa) na chapa quente ou frigideira.

Pão Pita

Minha primeira vez fazendo essa delícia de pão e deu certo! Pita ou pão árabe, pão sírio, como é conhecido no Brasil,  é um pão de trigo tipo “envelope”, um pão folha que pode ser recheado e consumido como um sanduíche. Pode fazer também um molho tzatziki ou hummus para acompanhá-lo.

Nesses tempos de quarentena, nada melhor do que comer pão fresquinho!

Ingredientes
1 xíc de água morna morna (cerca de 105–110 ° F)
1 colher de sopa de açúcar
2 1/4 colheres de chá (1 pacote) de fermento ativo seco
3 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de azeite extra-virgem
1 3/4 colheres de chá de sal

Modo de Preparo
Adicione a água morna, o açúcar e o fermento ao bowl da batedeira (de preferencia, planetária), juntamente com 1 xícara de farinha. Bata tudo até ficar uniforme e reserve por 15 minutos. A mistura formará bolhinhas.
Adicione o azeite e o sal, juntamente com 1 1/2 xícaras de farinha. Misture bem e vá limpando as beiradas do bowl. Se a massa ainda estiver meia grudenta, adicione 1/4 de xícara de farinha de cada vez.
Se não tiver a planetária, sove a massa por uns 5 minutos. Remova a massa da tigela, coloque-a sobre uma superfície enfarinhada e forme uma bola.
Esborrife levemente uma tigela grande com azeite (ou óleo, manteiga) e coloque a massa dentro. Vire a massa para cobrir toda com óleo e cubra a tigela com um pano de prato. Deixe a massa crescer em temperatura ambiente por 2 horas ou até dobrar de tamanho.
Retire a massa da tigela e coloque-a sobre uma superfície enfarinhada. Retire o ar na massa e corte-a em 8 pedaços.
Forme cada pedaço de massa numa pequena bola, puxando a massa pelos lados e dobrando as pontas por baixo. Coloque as bolas distanciadas numa superfície enfarinhada e cubra-as com um pedaço de filme plástico levemente untado com óleo. Deixe a massa descansar por 30 minutos.
Depois de descansar, abra as massas com ajuda de um rolo (os com as mãos) formando discos. Deixe a massa descansar por 10 a 30 minutos.
Pincele uma frigideira de ferro fundido com um pouquinho de azeite e coloque-a em fogo médio-alto. Adicione o disco na frigideira e cozinhe até o pão começar a inchar e o fundo dourar, cerca de 2-3 minutos. Vire e cozinhe por mais 2 minutos. Embora seja ideal que o pão pita comece a inchar e encher de ar quente para formar o enevelpe perfeito, isso nem sempre, acontece. Coloque os pães num pano de prato limpo enquanto continua cozinhando o restante das pitas,  para mantê-los aquecidos.

Frango Grelhado Persa – Jujeh Kabab

Ontem acordei com uma vontade de comer algum prato persa. Ou alguns! Hahaha. Resolvi fazer o Jujeh Kabab.  Um prato iraniano que consiste em pedaços de frango, num marinado (gosto de deixar por 24h) com cebola, limão siciliano e açafrão, e finalizado na grelha.

Também fiz para acompanhar, um arroz com tahdig de batatas, tomate grelhado, tabule e kafta. Passarei as receitas desses outros pratos mais adiante.

Ingredientes

1 kg de peito de frango em cubos

1 cebola picadinha

Suco de 1 limão siciliano

½ colher de chá de pó de açafrão moído, dissolvido em 1 colher de sopa de água quente

½ colher de chá de sal

¼ colher de chá de pimenta preta moída

4 colheres de sopa de azeite de Oliva

Modo de Preparo

Numa tigela, misture cebola, azeite, suco de limão, açafrão, sal e pimenta. Misture bem.
Cubra com filme plástico, ou coloque num saquinho tipo Ziploc e leve à geladeira por 24 horas.

Coloque os pedaços de frango nos espetos e leve-os a grelha já aquecida. Se não tiver espetos, sem problemas, coloque-os direto na grelha. Cozinhe o frango por uns 10 minutos de cada lado. Verifique o cozimento do jujeh kabab cortando um pedaço de frango com uma faca.  Gosto de deixar bem douradinho.

 

Pão Artesanal

Que pão fácil de fazer! É tão fácil, que você vai querer assar um por dia. Você vai precisar de uma panela de ferro com tampa (apropriada para ir ao forno). Acredito que a maioria tenha em casa, e se não tiver, vou te dizer que é um ótimo investimento. Uso a minha panela pelo menos duas vezes por semana. A receita que passarei é a básica. Mas se quiseres adicionar sementinhas, azeitonas, ervinhas, frutas cristalizadas, …. fique à vontade. Sempre adiciono algo diferente na massa. Hoje por sinal fiz um, e coloquei gergelim.

Pão com Azeitonas

Ingredientes

3 xícaras de farinha de trigo

1 1/2 colher de chá de sal

1 sachê de fermento biológico (10g)

1 1/2 xícara de água morna

Também irá precisar de plástico filme, papel pergaminho e a panela de ferro com tampa

Pão de gergelim

Modo de Preparo

Misture todos os ingredientes numa vasilha grande. Coloque o plástico filme por cima desta vasilha e deixe descansar (fermentar) por 12 à 18 horas.

Para assar, preaqueça o forno à 450°F / 232°C com a panela dentro (para ir esquentar também) sem a tampa.

Enquanto o forno e a panela aquecem, remova a massa fermentada e coloque numa superfície com farinha polvilhada. Forme uma bola, faça uma cruz por cima com uma faca bem afiada.

Coloque o pão já no formato de bola num pedaço de papel pergaminho. Retire a panela do forno e coloque o papel com o papel na panela. Tampe e leve ao forno. Asse tampado por 30 minutos. Retire a tampa e asse por mais 15 minutos.

Retire da panela e deixe esfriar totalmente antes de corta-lo. Enjoy it!

Pão rústico com castanhas e cranberries
Pão com alecrim e alho

Pão Fácil de Cerveja

Ingredientes

3 xícaras de farinha de trigo

1 colher de sopa de fermento em pó

2 colheres de sopa de açúcar

1/2 colher de chá de sal

1 lata/garrafinha de cerveja

4 colheres de sopa de manteiga derretida



Modo de preparo

Primeiro, preaqueça o forno à 190° C/ 375°F e esborrife uma forma de pão com spray antiaderente.

Numa tigela, misture a farinha, o fermento, o açúcar e o sal. Adicione lentamente a cerveja e mexa bem. A massa ficará grossa.

Despeje a massa na forma preparada e regue com toda a manteiga derretida. Use toda a manteiga! Ficará crocante a casquinha.

Asse o pão por 45-55 minutos. Deixe esfriar antes de servir.

Sushi Alternativo

IMG_5309

Quer uma receita saudável, de baixo carboidrato e sem glúten? Estes rolinhos de nori são simples, e divertidos de fazer.
O recheio pode ser adicionado conforme o seu gosto. Pode ser de pepino, carne de caranguejo, atum fresco, salmão defumado, cenoura ralada, brotos, camarão, avocado, etc.
Você precisará de uma esteira de bambu, e para subsituir o shoyo (soy sauce), utilize aminoácidos de coco.

IMG_5307

Ingredientes
1 colher de sopa de óleo de coco
1 Cabeça de couve-flor triturada
½ xícara de água
Um pedaço de gengibre ralado
Aminoácidos de coco (coconut aminos)
1 colher de chá vinagre de maçã
folhas de Nori
+ recheio desejado

IMG_5311

Modo de Preparo
Aqueça uma panela grande em fogo médio. Derreta 1 colher de sopa de óleo de coco. Adicione a couve-flor triturada e mexa. Deixe cozinhar por 2-3 minutos. Adicione ½ copo de água para o arroz, tampe e cozinhe por uns 5 minutos. Reserve até esfriar.
Misture numa tigela a couve-flor, 1 colher de aminoáciodos de coco e 1 colher de vinagre de maçã.
Abra a esteira, coloque uma folha de nori e coloque o “arroz” com a ajuda das mãos, espalahndo e deixando apenas uma beirada livre.
Coloque o recheio a gosto e enrole o nori. Passe o dedo na água (tenha uma tigelinha ao lado) e sele o rolinho.
Corte em fatias de uns 2cm e sirva com o aminoácidos misturado com gengibre raladinho.

Opcional: sementes de gergelim

Panqueca Paleo (sem glúten)

IMG_5159

Feliz 2016!

Desculpem minha ausênca na publicação das receitas.
Tenho experimentado várias receitas estes dias, só não tive muito tempo para colocá-las aqui no blog.
Agora também tenho outro hobby (reforma e pintura de móveis) que está consumindo parte do meu dia, mas já reorganizei os horários e a partir deste mês, todas as Segundas serão publicadas receitas novinhas para vocês.
A receita abaixo é de minha autoria. Experimentei alterar dois ingredientes da receita básica de panqueca e deu muito certo. A panqueca ficou fininha e deliciosa. Parece até um crepe.
O recheio você pode fazer conforme seu gosto. Eu fiz um recheio de ricota com espinafre e reguei um molho vermelho por cima.

Ingredientes
1 xícara de polvilho doce (tapioca flour ou tapioca starch)
1 xícara de leite de castanha de cajú, ou de amêndoa
1 ovo grande
Óleo em spray

IMG_5153

Modo de Preparo
Bata os três primeiros ingredientes no liquidificador, até misturar bem.
Aqueça uma frigideira anti-aderente e spray um pouquinho de óleo (ou azeite).
Coloque uma concha pequena da mistura, e espalhe a mistura. Deixe soltar um lado e vire do outro.
Repita com o restante da mistura e recheie a gosto.

IMG_5160

Cebola Caramelizada e Batata Doce Gratinada com Sálvia Fresca

IMG_5767

Apresento à vocês, a minha versão do prato Cebola Caramelizada e Batata Gratinada com Sálvia Fresca do Chef de Cozinha, Bobby Flay. Na minha receita, troquei a batata normal, pela batata doce e adicionei queijo parmesão também.
Ficou simplesmente divina! Sua família e convidados ficarão surpreendidos com este acompanhamento para a ceia de Thanksgiving.
Utilizei a batata doce, da casca roxa e branquinha por dentro. No Brasil tem mais facilidade de ser encontrada. Aqui nos USA, encontrei esta batata no mercado indiano.
Adoro fazer comprinhas em mercados asiáticos e indianos. Acabo encontrando frutas e hortaliças que não tem normalmente nos mercados regulares da cidade. E como adoro novidades, sempre também , acho algo novo para experimentar. Vale a pena sair da rotina dos mesmos mercados e visitor um destes!
A sálvia (sage) fresca, peguei da minha horta. É a erva que mais se deu bem com o clima e terra daqui. Passou firme e forte pelo inverno e verão, e o pézinho continua lindo e com muitas folhinhas!

IMG_5765

Ingredientes
2 colheres de azeite
1 colher de sopa de manteiga
3 cebolas medias cortadas bem fininha
Sal e pimenta do reino moída à gosto
3 colheres de sopa bem picada folhas de sálvia fresca
6 batatas doce grandes, descascadas e em fatias finas num mandolin (ou na faca, se não tiver o mandolin)
2 xícaras de creme de leite fresco
Queijo parmesão ralado

IMG_5760

IMG_5762

Modo de Preparo
Pré-aqueça o forno à 375F/190C.

IMG_5761

Aqueça o óleo e a manteiga numa frigideira grande em fogo médio-alto. Adicione a cebola, tempere com sal e pimenta e cozinhe até caramelizar, cerca de 15 à 20 minutos. Retire do fogo e misture a sálvia. Reserve.
Faça uma camada de fatias de batata num refratário grande, e coloque um pouco da cebola. Polvilhe sal e pimenta e regue umas 2 colheres de creme de leite fresco ou mais se necessário. Vá pressionando para baixo e repita até terminar as batatas e cebolas. Leve ao forno, coberto com um papel alumínio por 25 minutos. Retire o alumínio, polvilhe queijo ralado e asse por mais 20 à 25 minutos, até dourar. Aguarde uns 10 minutos para esfriar um pouco antes de servir.

 

Enroladinho de Aspargos com Prosciutto

IMG_5470

Tão simples, e tão saboroso! Aspargos enrolados numa fatia de prosciutto crudo, que seria um presunto cru. O sabor do prosciutto penetra no asparagus durante o cozimento. E para dar um toque final neste prato, regue um pouco de redução de vinagre balsámico.

Ingredientes
Aspargos
Prosciutto (encontrado perto dos frios (deli meat) nos mercados)
Opcional (mas delicioso): redução de vinagre balsámico

IMG_5465

Modo de Preparo
Em primeiro lugar, corte as pontas dos aspargos e escalde o seu aspargos em água fervente por 1 ou 2 minutos. Transfirá-os para uma tigela com água gelada para cessar o cozimento.
Se o aspargos for do grosso, enrole no prosciutto individualmente. Se for do aspargo fininho (como foi feito na minha receita), utilize de 3 à 4 aspargos por fatia.
Asse em forno à 350F/180C, cerca de 10 minutos, até o aspargos amolecer ao seu ponto.
Regue um pouco de vinagre balsámico por cima na hora de servir.

 

Cenoura Assada com Balsámico

IMG_5681

Thanksgiving está quase chegando, e acredito que a preparação de um bom menu antes, fará toda a diferença para comemorar este dia especial.
Esta semana irei passar algumas receitas simples, porém saborosas, para acompanhar os pratos principais.
Lembro que sempre é servido cenoura cozida, normalmente passada na manteiga. Vamos fazer um tipo diferente? Servir cenouras, daquelas mais fininhas (encontra-se normalmente com as folhas anexas) assadas com balsámico?
Anote ai então!

IMG_5683

Ingredientes
1,5 lb /700g de cenoura fina, descascada e com um pouco do talo anexo
2 colheres de azeite
2 colheres de sopa de vinagre balsámico
Pitada de sal grosso
Pitada de pimenta

Modo de Preparo
Pré-aqueça o forno à 400F/200C graus.
Forre uma assadeira com papel manteiga, ou se você não tiver, apenas pulverizá-la liberalmente com azeite em spray.
Lave as cenouras e seque.
Na forma, coloque as cenouras e os demais ingredientes, misturando bem.
Coloque no forno e asse-os por cerca de 30 à 40 minutos até amolecer e dourar.

Empanada Paleo (sem glúten)

IMG_5442

Eu não imaginava que com só 2 ingredientes naturais, como a mandioca e óleo de coco, pudesse criar a massa para esta empanada. Encontrei a receita no pinterest, e testei. Deu super certo!
Para quem faz a dieta paleolítica, é uma ótima alternativa!

IMG_5445

Ingredientes
3 xícaras de mandioca cozida
2 colheres de sopa de óleo de coco
Recheio
500 g/1lb de carne moída
1/2 xícara de cenouras ralada no fino
1/2 xícara de cebola bem picadinha
1 colher de chá de alho
1/4 colher de chá de cominho
Pimenta e sal a gosto
1/4 colher de chá de salsinha
1/2 colher de chá de cebola em pó

Modo de Preparo
Pré-aqueça o forno à 350F/180C.
Retire o fiapo central da mandioca e amasse com um garfo. Leve para bater no processador de alimentos junto com 2 colheres de óleo de coco. Adicione sal, se preferir.
Faça um refogadinho de carne, dourando primeiro a cebola, depois adicione a carne até fritar bem. Coloque os demais ingredientes e refogue-os.
Retire a massa do processador e divida em 12 pedaços.

IMG_5436

Abra a massa formando um círculo e coloque o recheio. Feche formando uma meia-lua e levemente com um garfo, pressione para fechar. Repetir nos demais.
O yuca deve sentir-se como massa e permitir-lhe trabalhar facilmente com as mãos. Se ele é pegajoso você pode começar a adicionar a farinha de coco, uma colher de sopa de cada vez.
Frite os numa frigideira anti-aderente com um pouco de óleo de coco ou oliva, para dourá-los. Transfira-os para uma forma e asse por uns 5 à 10 minutos.

Batata Esmurrada

IMG_5333

Este prato vai muito bem como acompanhamento de uma proteína, como uma carne assada, ou um bacalhau.
A receita é tão simples, que nem medida certa tem. Tudo a olho e de acordo com seu gosto.
A batata vermelha, ideal para este prato, é de pele mais fina, polpa branca e deliciosa.

IMG_5325

Ingredientes
Batatas vermelhas de tamanho pequeno
Azeite
Sal e pimenta do reino à gosto
Opcional: ervas ou parmesão ralado

IMG_5324

Modo de Preparo
Lave bem as batatas e coloque-as numa panela para o cozimento a vapor, por uns 20 minutos, até amolecer um pouco.
Numa assadeira, forre com papel manteiga e regue um pouco de azeite. Coloque as batatas deixando um espaço entre cada batata.
Com o fundo de um copo, pressione suavemente as batatas, até rompê-las.
Regue azeite, coloque sal, pimenta e ervinhas como salsinha, orégano ou alecrim.
Asse em forno 450F/230C graus por 20-25 minutos até dourar.

Acelga Chinesa ao Leite de Coco

IMG_5326

Para aqueles que gostam muitos de vegetais e procuram por algo diferente, este prato é uma ótima opção. A acelga chinesa não é tão utlizada na cozinha brasileira, mas é deliciosa. Vale a pena experimentar!

IMG_5323

Ingredientes
2 ou 3 cabeças de acelga chinesa (bok choy)
2 colheres de chá de cúrcuma (turmeric)
1 lata de leite de coco, misturado com água suficiente para fazer 1 ½ xícaras no total
Fatias de gengibre
Sal e pimenta a gosto
20 cogumelos frescos (pequenos) fatiados

Modo de Preparo
Corte a acelga longitudinalmente e lave bem.
Coloque numa panela de barro. Coloque a acelga numa só camada, e adicione a cúrcuma, sal, leite de coco misturado na água e gengibre. Deixe ferver, tampe, abaixe o fogo e cozinhe por uns 5 minutos.
Com um pegador, vire a acelga e adicione os cogumelos. Cozinhe mais alguns minutos, até o cogumelo ficar macio. Sirva quente.

Rabinho de Lagosta Grelhado

IMG_5305

Esta é uma receita super fácil e deliciosa. Em 10 minutos ela fica pronta!
Pode substituir o azeite por manteiga, ou manteiga clarificada, se preferir.
Não sei qual é o preço de um rabo de lagosta no Brasil ou outros países, mas nos USA, custa na faixa de U$4.00 à U$6.00 cada. Vale mais a pena, do que comprar um prato deste no restaurante.

Ingredientes
2 rabinhos de lagosta
Azeite de Oliva
1 colher de chá de páprica defumada
1 colher de chá de salsinha picadinha
Sal e pimenta a gosto

Modo de Preparo
Lave a lagosta e corte a parte da casca, fazendo-se que a carne apareça. Com as mãos, cuidadosamente, pode tentar abrir mais.
Passe com um píncel azeite de Oliva e salpique a salsinha, páprica, sal e pimenta.
Coloque no forno à 500F/260C para grelhar, por uns 10 minutos, até dourar.
Sirva com sua salada preferida!